Neto Silva 18:56 (há 0 minuto) para eu

Para quem não sabe o que é um medidor de energia elétrica, se trata de um relógio de luz que tem como objetivo medir o consumo de energia elétrica de um local. Há diferentes modelos de medidores de energia atualmente, pois existem 3 tipos de carga que precisam ser considerados no momento da instalação.
Agora, quais são essas cargas? Como fazer uma instalação correta? Um relógio de luz bem instalada ajuda de que maneira no meu imóvel? Hoje, iremos falar rapidamente sobre essas questões para que você possa tomar a decisão mais sensata.

Como funciona e como fazer a instalação de medidor de energia?

Para que a instalação do medidor de energia seja feito de modo correto, é necessário primeiramente entender o tipo de carga que o local possui. Além disso, o medidor trabalha com kWh para mensurar de maneira correta o consumo do local. Por meio da medição da corrente alternada, o medidor determinará os valores de kWh e, com isso, poderemos definir a quantidade de kWh/mês do lugar mencionado.
Existem 3 tipos de carga: Monofásica, Bifásica e Trifásica. A partir do momento que for determinado o tipo de carga, você poderá escolher o tipo de medidor de energia mais eficiente. Para isso é necessário verificar a corrente do disjuntor principal do local. Recomendamos que você busque a orientação de um profissional qualificado para ter acesso a maiores informações.

Quais são os tipos de medidores de energia?

Nos dias de hoje, existem basicamente 2 tipos de medidores de energia: Eletromecânico e o Eletrônico. Logo abaixo, falaremos um pouco mais sobre esses 2 tipos de medidores.

  • Eletromecânico: Como se trata do medidor mais antigo, o medidor eletromecânico ainda é o mais utilizado. No entanto, pode haver um engano pois, apesar de ser o mais velho, continua sendo eficiente. Basicamente, esse tipo de medidor funciona de acordo com um mecanismo de um disco de metal que gira conforme a eletricidade passa pelas bobinas, gerando um campo magnético. Esse campo só irá impulsionar o disco somente quando a energia for consumida. Com isso, acontece o movimento de engrenagem que por sua vez movimentam os ponteiros do medidor.
  • Eletrônico: Como o próprio nome já diz, o medidor funciona de maneira eletrônica, fazendo com que a sua leitura seja feita de maneira digital. Esse tipo de medidor envia as informações diretamente para a concessionária de energia e, portanto, não se faz necessário um funcionário para fazer a leitura.

Finalizando o assunto, acreditamos que você tenha entendido a importância de saber como funciona um medidor de energia e quais são os tipos de medidores de energia que existem. Por meio dessas informações, esperamos que você possa tomar as melhores decisões para o consumo correto e responsável de energia para que não haja desperdício e, consequentemente, um valor muito alto na sua conta de luz.